Retrato de Marcelo Terça-Nada!
Marcelo Terça-Nada! (@marcelonada) atua com Artes Visuais na interseção entre cidade, arte, escrita, fotografia e intervenção urbana. Participou de exposições em diversas cidades do Brasil e em países como: Argentina, Índia, Espanha, Holanda, Eslovênia e Áustria. Faz parte do Poro com o qual realizou intervenções urbanas e participou de importantes eventos, como a 3a Bienal da Bahia em Salvador ou a exposição Cidade Gráfica no Itaú Cultural em SP. Publicou os livros “Pequeno Guia Afetivo da Comida de Rua de Salvador”, “Intervalo Respiro Pequenos Deslocamentos”, “Brasília: (Cidade) [Estacionamento] (Parque) [Condomínio]” e “Manifesto”. Recebeu o prêmio Brasil Arte Contemporânea 2011, da Fundação Bienal de São Paulo e Ministério da Cultura e o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2012. Atua também com pesquisa sobre alimentação e valorização da sociobiodiversidade brasileira.

Currículo

Atualmente é mestrando em História da Arte no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da UFBA. Formou-se em 2003 na Escola de Belas Artes da UFMG. Entre 2005 e 2007 estudou Comunicação Digital e Hipermídia. Criou e mantém o RedeZero. Faz com carinho o blogue Vírgula-imagem. Junto com pessoas muito especiais, foi um dos fundadores e integrantes do Poro (desde 2002) e da DoDesign Brasil (2003-2018).

Em 1998 começou sua trajetória com desenvolvimento de sites área em que atuou até 2018.

Além destes artigos, tem textos publicados em sites como WebInsider, Revista Etcetera, Círculo Cauê de Arquitetura, ArteWebBrasil e Overmundo. Em janeiro de 2011 foi publicado o livro “Intervalo, respiro, pequenos deslocamentos – ações poéticas do Poro” onde Marcelo foi um dos organizadores, para conhecer essa e outras publicações, acesse: www.poro.redezero.org/publicacoes/

Com seu trabalho de artes plásticas e fotografia, participou de diversas exposições e mostras, entre elas: Vizinhos – conexões entre artistas no Brasil (Viena/Áustria), Cabin Bagagge no IV Fórum Social Mundial (Mumbai/Índia), Next 5 Minutes (Holanda), Reverberações no Fórum Cultural Mundial (São Paulo), Salão de M.A.I.O (Salvador), SPA Semana de Artes Visuais (Recife), Escala 1×1 (Palácio das Artes/Belo Horizonte).

Tem fotografias publicadas nos livros “Intervalo, respiro, pequenos deslocamentos” (Radical Livros, 2011), “MIP – Manifestação Internacional de Performance” (CEIA, 2005), “Desvios no Discurso” (Poro/Galeria da CEMIG, 2005), “Shifting Map – Artists’platform and strategies for cultural diversity” (RAIN e NAi Publishers, Holanda/Bélgica), “O visível e o invisível na arte atual” (CEIA, 2002) e em revistas como “Simples – Sociedade Criativa”, “Super Interessante”, “Aplauso”, “UFMG Diversa” (capa e ensaio interno), “Mondana”, “Revista Autofagia” (capa e ensaio interno).

Realizou palestras em eventos como o Encontro de Coletivos de Arte Brasil/Espanha (Intermediae – Madrid), Seminário “Paradigmas para as Artes Visuais no séc. XXI” (Centro Cultural Banco do Brasil – Rio de Janeiro), Seminário “Percepções contemporâneas da cidade” (Centro Cultural BNB – Fortaleza), Seminário “Efeitos de Borda: Subjetividades e Espaço Público” (5º Fórum Social Mundial – Porto Alegre) e 8º Encontro Nacional de Estudantes de Arte (EBA/UFMG – Belo Horizonte).

Foi bolsista da Fapemig no projeto “Antigas marcas, novas mídias: a arte humanizando as tecnologias” (2003) e no projeto de implantação do Núcleo de Arte e Pesquisa da EBA/UFMG (2002). Foi bolsista do Programa de Aprimoramento Discente PAD Belas Artes/UFMG onde desenvolveu a pesquisa “Livro Objeto/Poesia Objeto” (2000/2001).